Tecnologia X Gestão de Resíduos

A sétima edição da Revista ARes traz como destaque a reportagem “Tecnologia, equipamentos e serviços de ponta: as tendências e os desafios da coleta de resíduos”.

Leia abaixo um trecho da reportagem:

A preocupação com a geração de resíduos, com seu acondicionamento e descarte adequado e com o reaproveitamento dos materiais produzidos em escala doméstica ou industrial é relativamente recente no país.

Mesmo com o longo caminho que ainda há a percorrer, aos poucos, as empresas, as autoridades públicas e a população em geral começaram a tratar da questão com mais cuidado e passaram a se empenhar para encontrar formas mais seguras e eficientes de tratar os resíduos e recuperar os recursos destes, como prevê a Lei 12.305/10, que institui a Política Nacional dos Resíduos Sólidos (PNRS).

Enquanto o setor patina em outras frentes, um exemplo claro de evolução são as diferentes soluções e iniciativas desenvolvidas por empresas nacionais e multinacionais para a coleta e o transporte de resíduos no Brasil. O desenvolvimento de equipamentos, máquinas, acessórios e veículos com tecnologia de ponta tem elevado significativamente os padrões de eficiência desses serviços e tem mostrado que o país está na direção correta.

AVILA_C45AT3L8.jpg

De forma totalmente automatizada, nas estações de transferência (Danima) os resíduos recebidos dos caminhões coletores (coleta domiciliar) são compactados e, na sequência, carregados
em contêineres herméticos especiais de grande capacidade.

 

Outros destaques da sétima edição:

  • Países Baixos – na vanguarda da economia circular (Mundo Aberto)
  • Raio X do mercado – sustentabilidade dentro das empresas (Opinião)
  • Reciclagem também na cultura do consumo (Coluna)
  • Resíduos de construção civil (Artigo Acadêmico)
  • Entrevista: José Eli da Veiga (Professor do IEE-USP)

Adquira aqui o seu exemplar ou baixe o pdf completo gratuitamente!